Sábado, 16 de Junho de 2007
Feiticeira

(imagem retirada da internet)

Mulher recta, de linhas curvas,

de ondas sinuosas,
de águas turvas,
de medidas desmedidas, libidinosas.
(imagem retirada da internet)
Mulher madura e menina,
de pele alva e macia,
de plena volúpia feminina,
de uma estranha forma de supremacia.
(imagem retirada da internet)
Mulher meiga, mulher perigosa,
mulher gostosa,
airosa,
fogosa,
jeitosa,
charmosa,
um botão de rosa.
Mulher: como manipulas o destino da minha prosa!..
(imagem retirada da internet)
Mulher felina,
Mulher que traças a minha sina.
(imagem retirada da internet)
Atentamente,
ejail.

sinto-me: Tímido
tags:

publicado por ejail às 15:56
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

27
28
29
30


posts recentes

democrAZIA

Cocó

Falta ( não é futebol ).

Poema Invisível

Sombra Lunar

A Procura de Um Sentido

Bom Ano!

O Martemático

divãgações cronodesmedida...

Escutas

arquivos

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Maio 2011

Janeiro 2011

Agosto 2010

Novembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Outubro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

tags

reflexão(36)

desabafo(21)

humor(19)

poesia(18)

nostalgia(11)

pessoas(10)

contos(3)

excertos(3)

gastronomia(2)

solidariedade(1)

todas as tags

Fazer olhinhos
Raríssimas

Este blog apoia a
Associação Nacional das
Deficiências Mentais e Raras
subscrever feeds